3º Encontro de Blogueiros – Por que blog? + Flavia Calina

Olaaaa! Sim, isso não é uma ilusão de ótica, eu finalmente vim compartilhar com vocês o tão esperado (or not) vídeo. Que foi editado 4 vezes e upado nada mais nada menos do que 5 vezes, para finalmente estar disponível hoje pra vocês (já tava achando que não era mesmo pra rolar).

Enfim, chega de explicação por atraso e problemas e vamos falar da parte boa da história. O evento.

Foi a melhor experiência da minha vida, sério, vocês não tem noção do quanto eu me emocionei, chorei, ri e de quantas partes desse vídeo eu tive que cortar pra não parecer uma maniaca, fanática, apaixonada hahah

Primeiramente eu peço a maior compreensão do mundo por qualquer erro de português, ou qualquer travamento (meu, não do vídeo) que eu possa ter tido no meio do nada. Tentei cortar o máximo de coisas bugadas que eu fiz ou falei, mas também não sou mágica ainda né hahah ❤  DSCN1686DSCN1639DSCN1669

Enfim pessoal, como já disse, é meu primeiro vídeo, e sim, eu pretendo ir melhorando com o tempo, e sim, eu vou aprender a falar melhor pra cortar menos, e sim, vou cuidar melhor da iluminação pra não ter que iluminar artificialmente de novo. Espero que vocês gostem, do fundo do coraçãozinho!

Instagram Facebook Twitter Flickr Tumblr ♥

Anúncios

Avril Queen

Abaixo aos comentários sobre a forma bizarra de tratar os fãs, hoje vim falar de uma cantora que marcou minha infância/pré-adolescência de uma forma inesquecível: Avril Ramona Lavigne.

Com 30 anos e sua eterna aparência de 16 (o que rende muitas histórias sobre imortalidade, vampirismo e formula da juventude), Avril começou sua carreira láaaa atrás, com 16 anos, como citado anteriormente. Seu primeiro álbum, Let go, fez um sucesso tão grande que seu maior hit, Complicated, foi considerada uma das melhores músicas da década 2000. O álbum ganhou muitos premios e ficou no topo de várias paradas musicais. Enfim, nossa então menina do cabelo dourado/castanho/com luzes, que usava gravata, pulseiras, tênis e bermudão, lançou nesse álbum algumas de suas músicas mais épicas, como Sk8er Boi, Complicated e I’m With You.Avril LavigneMas depois, no seu segundo álbum, Under My Skin, a menininha do skate já tinha ido embora, pois é, a fama muda a perspectiva de vida das pessoas. Nessa época as músicas dela começaram a ficar mais profundas, exemplos disso são My Happy Ending, Nobody’s Home e Don’t Tell Me. Essa na minha opinião foi a fase triste, conturbada e com aqueles sentimentos de transformação que todo adolescente tem. O disco recebeu Disco de Platina Triplo e ficou com um desempenho tão bom quanto, ou até mesmo melhor que Let Go.  E ELA CONTINUOU TÃO BONITA, OMG ♥ AVRIL LAVIGNEE em 2007 veio minha fase e meu albúm preferido da Srta Ramona, o mais feliz, contagiante e sei lá, perfeito de todas as formas que ela já gravou, o The Best Damn Thing. Agora com mechas cor de rosa, uma nova marca de roupas, um estilo totalmente diferente e uma leve (mentira, FORTE, afeminada), ela lançou as músicas que com certeza você já ouviu muito na hora de arrumar o quarto ou no ônibus indo pra escola, exemplos? Girlfriend, The Best Damn Thing e suas duas melhores ‘sad songs’, Keep Holding On When You’re Gone. The Best Damn Thing foi eleito melhor álbum pelo Juno Awards. avril-lavigne1Depois, láaa em 2011 foi lançado Goodbye Lullaby, com nossa amada música Alice, música tema do filme Alice no País das Maravilhas (aquele com o Johnny Depp), além de outros hits como What the Hell, Wish You Were Here e Smile.

Depois desse disco a cantora deixou a gravadora RCA, assim como também deixou do marido, atrasando devido a isso a data de lançamento do álbum. O disco foi um sucesso, como sempre, tipo, qual deles não foi? Ficou em primeiro lugar simultaneamente em mais de 8 países e vendeu mais de 100 mil cópias em uma semana.

Ah, e sobre o visual, 2011 foi COLORIDO para srta Lavigne. Seu cabelo foi verde, preto, verde com rosa e todo loiro durante apenas 12 meses (rico é rico né minha gente). Suas roupas ficaram mais discretas, nem dark como 2001, nem patricinha de Beverly Hills como 2007. Avril-Lavigne-no-BrasilE finalmente mais para os dias de hoje, seu último álbum teve, nada mais nada menos do que seu próprio nome. Avril Lavigne foi lançado no finalzinho de 2013. Em uma fase bem mais madura de sua vida, logo após seu casamento, Avril lançou seus novos hits (vou parar de dizer que amo as músicas dela, porque acho que vocês já perceberam)Rock’n Roll, Here’s to Never Growing Up, Let Me Go (com o maridão Chad Kroeger)Give You What You Like (que tem clipe previsto pra sei lá, LOGO ♥) e Hello Kitty.

Foi nessa época recente, que Avril pirou o cabeção, se afastou dos fãs, criou uma personalidade super esquisita e parece ter virado o tipo de celebridade egocêntrica que ninguém gosta.avril_lavigne_chad_kroeger_let_me_go_640x360E sobre a vida pessoal Avril casou, separou, casou de novo e ta ai, firme e forte. Mais alguma coisa? Não sei, sou mais de focar na carreira e não na vida hahah

Pra quem não conhece, curtam algumas das músicas citadas acima ♥

Inspiração ♥

Olá! Eu acho que é super normal para uma blogueira se inspirar em outros blogs e outras blogueiras, então hoje decidi ‘compartilhar’ com vocês quais blogueiras são minhas maiores inspirações no momento.

Melina Souza do A Series of a Serendipity ♥ A fofa da Mel é minha maior inspiração desde sempre. Acompanho o blog dela a muito tempo, e confesso que fiquei até com um pouco de ciumes quando descobri que minhas amigas estavam descobrindo o blog dela aos pouquinhos. De todo o conjunto da Mel e do blog, devo confessar que o que eu mais gosto são as fotos super fofas e meigas dela, além é claro, do quarto maravilhoso dela, que me inspira tanto que eu chego a transbordar de ideias.

ImagemJess Vieira do Fantástico Mundo de Jess Eu ‘descobri’ o blog da Jess a muito pouco tempo na verdade, mas desde então venho acompanhando freneticamente cada post novo ou foto que ela posta. Assim como a Mel, a Jess tem um jeito super único de fotografar, e além de um cabelo maravilindo, ainda tem um gosto excelente e é super criativa.

Imagem

Ana Paula Buzzo do Não provoque ♥ A Paula é uma blogueira que sem dúvidas despensa comentários. Criativa, com uma personalidade super forte e marcante, um bom gosto sensacional e um talento nato para fotografia, design e derivados. A Paula faz alguns vídeos, assim como a Mel, mas com muito menos frequência, mas cada vídeo novo compensa por todo o tempo sem vídeos. Ela pode parecer séria a primeira vista, mas é uma pessoa super divertida, e a cada vídeo novo revela um pouco mais sobre esse lado brincalhão que a gente ainda não conhece muito bem.ImagemBruna Vieira do Depois dos Quinze ♥ Acho que a Bru foi a primeira blogueira que eu comecei a acompanhar, e foi quem me inspirou a começar toda essa história de blog e esse meu amor imenso por fotografia. O trabalho dela é incrível, e por ser um blog maiorzinho e mais famoso mundialmente, ela acaba tendo mais oportunidades de viagens e etc, que acabam virando um grande incentivo para os meus sonhos e projetos. Ela também faz vídeos incríveis e vlogs em todos os lugares para onde ela viaja ♥

ImagemAlém de ter mais uma lista imensa de blogueiras, como a Karol, a Taci, a Lia, a Gio e é claro, minha deusa Gabbie, acho melhor ir parando por aqui para não ter um post IMENSO. Quem sabe outro dia volto com outro nesse mesmo estilo, falando sobre as outras divas citadas acima ♥