Visto Americano J-1

7359444888_bddc1cad2a_kOla pessoal, tudo bem com vocês?! Sim, isso é o que parece, um post sobre a tão temida entrevista no consulado americano. Eu fui ao consulado no dia 22 de julho, e vou contar detalhadamente pra vocês como foi todo o processo, mas antes de qualquer coisa, SIM, MEU VISTO FOI APROVADO, YEY!

Data: 22/julho/2016

Horário: 11:50

Hora que eu cheguei no consulado: 11:10

Documentos que eu levei: Cópia do RG, CPF, carteira de trabalho, PID, cópias dos papeis de rescisão do meu trabalho, as cartas do site da CC, o perfil da host Family impresso, comprovante de endereço, os meus 3 últimos holerites, os dois DS’s, SEVIS, confirmação de agendamento e óbvio, o passaporte.

Documentos que pediram: Apenas os obrigatórios, ou seja: DS + SEVIS + PASSAPORTE

Tempo total no consulado: Quase 1 hora.

Se você não é de São Paulo, assim como eu, infelizmente eu não tenho como ajudar com localização ou coisa parecida, indico que você arrume alguém que conheça a cidade pra ir com você e evitar transtornos ou atrasos. Como eu fiquei hospedada na casa de uma futura AuPair que mora em SP, ela me ajudou  a chegar no consulado e ficou do lado de fora segurando minha bolsa, com celular e etc, já que você não é autorizado a entrar no consulado COM NENHUM ELETRÔNICO, NEM MESMO DESLIGADO.

Chegando lá, eu entrei apenas com a pasta de documentos, fui encaminhada em uma fila única, onde um rapaz olhou os documentos exigidos, meu passaporte, e me encaminhou para uma fila X (isso ainda do lado de fora), que ia até um balcão. Nesse balcão a moça pegou novamente os documentos, dobrou o DS e a taxa SEVIS e colocou dentro do passaporte, me devolveu tudo e me mandou seguir em uma fila de segurança. Nessa fila, você coloca tudo que você tem em uma bandeja, até mesmo o que tiver nos bolsos, passa por um detector, sua bandeja também, e ai você pode pegar tudo de novo e seguir para a parte das entrevistas mesmo.

Chegando nesse outro prédio eles vão conferir sua documentação de novo e te mandar pra uma fila onde você vai passar em um guichê e uma moça vai verificar novamente seus documentos e te encaminhar pra outra fila (sim, é assim mesmo, muita fila).

Então, finalmente, nessa fila, um pouco maior e mais demorada, você vai ser encaminhado pra um guichê “X” pra ser entrevistado.

A entrevista: Bem, a minha entrevista foi como uma mulher, a vice cônsul, que não parecia muito simpática e estava interrogando um moço antes de mim, como se fosse da CIA (mas tudo em português), e o português dela era terrível. Mas ai chegou a minha vez, ela olhou meus documentos, digitou algo e já começou a falar comigo em inglês. Seguem as perguntas super simples que ela me fez e as minhas respostas:

Cônsul: Why do you want to be an AuPair?

Eu: Because I have a lot of experience with children and also want to improve my english, so that’s the perfect combination.

C: Do you have some graduation? (ou algo assim, foi o que eu entendi hahah)

Eu: No, I don’t. I finished high school last year.

C: So what are you doing now?

Eu: I signed the papers at work yesterday, so I was working, but now I’m not anymore. So basicaly I’m focus on the AuPair program right now.

C: But do you want to do a graduation?

Eu: Yes, I want to study journalism.

C: Here in Brazil?

Eu: Yes, here in Brazil.

C: Parabéns, seu visto foi aprovado, aqui esta o papel pra saber do seu passaporte e esses são os seus direitos de trabalhadora nos EUA. Bye!

Foram exatamente essas perguntas, nenhuma sobre host Family, nenhum documento foi pedido, ela nem pediu pra onde eu ia, foi só isso MESMO, e eu quase tendo um treco por nada hahahah

Já aproveitei a empolgação do visto e da viagem e comprei alguns presentes pra Host Family e pra mim usar na viagem. Agora que tudo é mais real vou começar a arrumar as malas, gravar vídeos e contar tudo detalhadamente pra vocês! YEEEEY!

Em breve terá post e vídeo mostrando os presentes pra host Family, fiquem de olho!

Beijos, Fer

Anúncios

4 comentários sobre “Visto Americano J-1

    • Andréeee, sempre por aqui né hahah ❤
      Então, eu não sei o que eles usam como desculpa pra negar, mas já vi visto sendo negado por nada 😦 Tenho certeza que na próxima tu consegue!
      Muito obrigado!

      • Exato, são sempre duas desculpas, falta de vínculo e inglês ruim. Ai tu me explica como alguém que tem empresa no nome não tem vínculo e eu que não tenho nem faculdade, nem emprego, nem NADA, sou uma criança pronta pra começar uma vida fora, tenho vínculo? Ah, sei lá hahahah
        Boa sorte de qualquer forma!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s