Resenha | Maldosas – Pretty Little Liars #1

Rosewood é uma cidadezinha no interior dos EUA, mais especificamente no estado da Pensilvânia, com bairros normais, escolas normais e pessoas normais, é claro, com suas exceções.

Em Rosewood Day, a escola particular de Rosewood, um grupo de garotas lideradas pela eterna rainha Alison DiLaurentis, é especialista em manter segredos, fazer fofocas e tornar a vida dos outros em um verdadeiro inferno. Esse grupo é composto por Aria Montgomery, Emily Fields, Spencer Hastings e Hanna Marin.

Tudo muda na cidadezinha quando a lider do grupo, Alison, desaparece misteriosamente. Alison era a tipica garota arrogante que faz o que quer e faz todos ao seu redor fazerem o mesmo, e por isso ela tinha muitos inimigos.

Três anos após o desaparecimento, Aria estava voltando para Rosewood após morar por algum tempo na Islândia, para onde sua família resolveu se mudar para “ajuda-la” a superar o problema com Ali. No seu primeiro dia de aula, ela reencontra suas ex-melhores amigas, e descobre que ela não foi a unica a mudar, e que também não foi a unica a não manter contato com as amigas.

Nenhuma das quatro garotas mantem contato entre si, até que misteriosamente elas começam a receberem mensagens aterrorizantes, contendo alguns de seus maiores segredos, de uma pessoa anonima, que se auto denominava -A. No inicio elas desconfiaram que -A fosse Alison, mas ela estava morta… não estava?

Maldosas é o primeiro livro da série Pretty Little Liars, que como a maioria de vocês deve saber, também possui uma série de televisão. Como uma grande fã da série, eu tenho orgulho de dizer que li o livro antes de começar a assistir, quando a série ainda estava em seus primeiros episódios (sim, isso faz MUITO tempo mesmo). E mesmo contendo histórias e enredos totalmente diferentes, acabei virando fã da série de TV e dos livros.

Devido aos nomes e capas TOTALMENTE femininos e adolescentes muitas pessoas acabam dispensando a leitura, mas por experiencia propria eu digo que a leitura vale muito a pena. Os mistérios, os assassinatos e sim, até a pitada de romance, tudo é absolutamente bem expressado nessa série. Então como já era esperado, eu super recomendo a leitura!

1 a

1 c

1 e

1 d

atualizado no dia 24.05.14

#Review | Pretty Little Liars (04X21 – She’s Come Undone)

Então vamos nessa, depois de dias sem postar nem um misero sinal de vida (estou tentando me acostumar com o ritmo escola/trabalho/dever de casa/sono hahah), e depois de quase uma semana atrasada com os episódios de todas as séries que eu acompanho, finalmente chegou  o feriado, o primeiro episódio que eu assisti foi She’s Come Undone, o 21° episódio da 4ª temporada de Pretty Little Liars.

Primeiramente vamos aos fatos, Aria continua sendo uma imbecil, dizendo que Ezra não é -A, que ele é apenas um escritor atras de uma história, Emily continua iludida com o fato de que Ali mudou e agora é uma pessoa melhor, e continua ajudando ela, Spencer esta mais doente do que nunca, tentando se recuperar do vicio nas pilulas, mas ao mesmo tempo lembrando de coisas do passado, como de uma briga no dia do desaparecimento da Ali, Aria encontrou caixas e caixas de coisas sobre ela e as meninas em um armário na casa do Ezra, destruiu o apartamento e ameaçou contar tudo sobre eles para o diretor da escola, mas a coisa que me fez ficar mais “WHAT THE FUCK?” foi o fato de todos nós, Little Liars de carteirinha, sabermos que a Hanna voltou com o Caleb em Ravenswood, e isso deveria ter pelo menos ter sido citado em PLL também, mas mesmo não sendo, não acho que essa bitch deveria continuar beijando todo mundo que ela vê pelo caminho.

Esse episódio não chegou aos pés do que o último (4×20) foi. Basicamente Aria passou o episódio todo xingando e gr

itando com todo mundo, inclusive suas amigas. E o restante do episódio todo girou em torno disso, infelizmente hahah Mesmo assim estou louca pelo próximo episódio.

Imagem

Pretty Little Liars

ImagemOlá! Hoje resolvi fazer um post diferente, sobre uma das minhas séries preferidas: Pretty Little Liars.

A série esta no ar desde 2010, e desde então eu já assisto assiduamente, episódio pós episódio, e sempre sofrendo com um dos maiores hiatos da história das séries.

Pra quem não conhece, a série conta a história de quatro amigas que começam a “sofrer” ameaças e a receber bilhetes anônimos após o desaparecimento de sua melhor amiga, Alison.

A história é bem interessante e envolvente, mas pra quem já leu a série de livros, a série é TOTALMENTE diferente dos livros, fica a dica!

Devo admitir que tudo começou a ficar meio enrolado a partir da terceira temporada, ou do final da segunda mesmo, mas todo mundo que começa, nunca mais consegue parar de assistir. Mesmo tendo vontade de xingar a diretora, e de abandonar a série por causa de tanta enrolação, você não consegue, de jeito nenhum.

A quarta temporada esta absolutamente incrível, mas como eu disse anteriormente, os hiatos de PLL são os maiores que eu já vi. E até o tempo entre uma parte da temporada e outra, é insuportável de se suportar.

Agora que já dei minha humilde opinião sobre essa série particularmente incrível, vamos a sinopse.

Sinopse: Rosewood é uma pequena e tranquila cidade na Pensilvânia. De tão tranquila e intocada, nunca se adivinharia que detém tantos segredos. Alguns dos piores pertencem a quatro amigas chamadas Spencer Hastings, Aria Montgomery, Hanna Marin e Emily Fields, que estão sempre prestes a serem revelados por varias ameaças.

Com o mistério em torno do desaparecimento de Alison, Aria muda-se e depois de um ano retorna a Rosewood. A partir desse dia, as garotas começam a receber mensagens ameaçadoras de “A”, embora sem contar às outras. Isso as faz pensar que Alison ainda estaria viva, pois apenas ela saberia os segredos das garotas. Mas não poderia ser Alison, poderia? Quando o corpo de Alison é encontrado, elas tem certeza de que alguém as observa e não está de brincadeira. No final do ultimo episódio da primeira temporada, depois que Ian morre, as garotas pensam estarem livres de “A”, mas elas recebem uma mensagem clássica: “Eu ainda estou aqui, suas vadias. E eu sei de tudo. -A”, o que as une de novo. Com o decorrer da série, são apresentados vários suspeitos de ser “A”, e para piorar, de quem matou Alison. Quem quer que seja, A parece saber todos os segredos das meninas e está observando cada um de seus movimentos. As meninas são amigas novamente, e elas estarão juntas quando os seus segredos vierem à tona, e também os de Ali, que nenhuma delas sabia até “A” os revelar pouco a pouco.

Então, depois de todo este discurso e propaganda (o que a gente não faz pra compartilhar um pouquinho do que a gente gosta com vocês hahah) espero que alguns de vocês decidam dar uma olhadinha na série e depois, é claro, venham correndo me contar o que acharam!

Review | Pretty Little Liars (S04EP13 : Grave New World)


Imagem
Okay, vocês devem saber que Pretty Little Liars é uma das minhas series preferidas em todo o mundo.

E que episódios de Halloween são meus preferidos, em todas as séries. Mas os de PLL, vamos admitir, são excepcionalmente perfeitos, envolventes e cheios de suspense e terror.

O episodio de Halloween dessa temporada estava sendo MUITO aguardado devido a revelação (que todos já sabiam na verdade, mas ainda não havia sido confirmado) do fato de nossa Ali estar viva.

Ezra sendo -A (sonho de todos os “haters” de Ezria como eu), mas na verdade eu nunca havia o imaginado no -A Team, ele era tão ingênuo, fofo e querido.

Esse episodio deu uma ótima introdução a nova série, Ravenswood, se passando todo na cidade, mostrando a mansão onde Miranda (a personagem principal de Ravenswood) ira morar e o cemitério com os túmulos de pessoas…supostamente vivas.

O episódio não pode ser considerado o melhor entre os de Halloween, e nem um dos melhores da série, mas foi uma ótima recepção a Ravenswood, que promete emplacar.

Pretty Little Li-Ars

Então vamos falar sobre Pretty Little Liars. Hoje em dia, depois de quatro temporadas, já tivemos oportunidade para suspeitar de praticamente todos os personagens da série. Algumas pessoas consideram isso enrolação em excesso e “dar pano para a manga”, mas eu (como fã de carteirinha da série) amo a tática, e acho que quanto mais […]

Review: Pretty Little Liars “Now You See Me” (S04E12)

Imagem

O episódio já começa com uma coisa bem diferente, as Liars recebem uma caixa na casa da Spencer (de -A, é obvio) e dentro dessa caixa elas encontram quatro bolas de bilhar, cada uma endereçada a uma das meninas, e todas juntas formavam uma mensagem “Se ela ficar livre, você ira ouvir de mim. Beijos. -A”

O episódio todo é cheio de magica (não é o tipo de magica que você esta imaginando), as Liars recebem no total três presentes: as bolas de bilhar, um caixão infantil com uma boneca da Mona com uma mensagem: “Hanna vence, então Mona perde. Encontre-a antes dos policias ou eles acharão que você a matou. -A” e o terceiro e ultimo presente foi uma caixa “mágica” que apenas a habilidosa Spencer, com sua experiencia em magica e tudo o mais conseguiu abrir, e dentro dela se encontrava uma serra, com a mensagem “Veja-me fazer uma garota desaparecer. Beijos -A.”

Sim, eu particularmente amei os presentes, amei a ideia da sra. Marin ter sido liberada das acusações, das meninas terem ido para Ravenswood atrás da Red Coat, de terem duas Red Coats e de uma ter levado Spencer até o SUPER covil -A.

Também amei a surra que a Aria deu na Cece, mas uma duvida ficou me incomodando… quem parou a serra elétrica antes de cortar o caixão da Emily, foi a Cece ou a Alison?

Aquele show de magica foi incrível, e eu realmente achava que a Aria ia ser a garota que ia desaparecer quando ela foi levada para a caixa do desaparecimento (irônico não?). Nunca imaginei que -A fosse tão rápida ao ponto de sequestrar a Emily enquanto ninguém estava prestando atenção.

Odiei ver a Aria beijando o Ezra (não sou nada fã de Ezria) e Ezra ser -A? Alô, cadê nexo nessa história?

Todas aquelas fotos no covil eram estranhas, e aquele olho espiando as garotas era tão… Alison.

Falando em Alison, eu sabia que alguém tinha tirado ela de debaixo da terra, mas nunca imaginei que uma velha maluca de Ravenswood tivesse alguma coisa a ver com isso.

E por ultimo, eu não sei vocês, mas vou achar assustador se o spin off Ravenswood ser tão pavoroso quanto parece em Pretty Little Liars. Parece que o sol não bate naquela cidade, e que os moradores são todos zumbis vindos de outra dimensão.

Espero que você não tenha lido se não viu o episodio ainda, pois isso meio que resume o episodio todo, tirando algumas partes importantes que resolvi não comentar haha

Fiquem com o novo visual de -A, em sua melhor (e mais assustadora) forma.

Imagem